domingo, 28 de março de 2010


Dor, saudade, amor.

2 anos. Por que 2 anos passaram tão rápido para os outros e pra mim foi tão lento? Pelo tamanho da minha dor parece que tudo foi a uma hora atrás, ainda sinto aquele aperto no peito quando lembro do seu último suspiro, quando lembro daqueles minutos que sucederam o anúncio da sua morte, aperto no peito, lágrimas descendo e um silêncio assustador. Não me lembro como cheguei em casa, estava tão submersa em minha dor que os minutos seguintes foram apagados da minha mente. Relembrar toda aquela dor me faz sofrer e me faz bem, é estranho. Não preciso falar aqui tudo que passei até hoje, cada lágrima que derramo, cada vontade de morrer, cada saudade de te abraçar..
Hoje, a minha dor não diminuiu, as lágrimas não pararam e a saudade aumento (e muito), mas sinto que posso falar disso com mais conforto, sei que (infelzmente) a vida tá seguindo, coisas acontecem, pessoas aparecem .. mas NINGUÉM me faz esquecer por um segundo a sua presença, NINGUÉM vai preencher a saudade que tenho de você, NINGUÉM pode secar as lágrimas que caem ora pela face, ora no coração.
Todos sabem quão difíceis são os meus dias 27 de cada mês, sempre machucam. Mas quando chega o dia 27/03 a dor é triplicada. A dois anos, especificamente dia 27 de Março de 2008, 11:20hrs eu sentia a maior perca da minha vida, sabe o que isso significa? Significa que ali eu perdi minha maior companheira, minha maior amizade, meu maior amor, minha criadora, minha fortaleza, minha força, minha paz. Ter que aceitar que você não me viu terminar o ensino médio, não me viu passando no vestibular, não me viu realizando meus 2 maiores sonhos, e pior, não vai me ver fazendo 18 anos, não vai estar na minha formatura, não vai me ver conquistando as coisas que planejamos juntas... é, realmente vai ser muito horrível ter que aceitar isso.
Hoje, convivo com a saudade, hoje queria poder te ter de volta, hoje queria te dar um abraço, mas antes de tudo queria te ver bem, sem dores, sem problemas. Hoje queria ter de volta o que eu tive até os meus 15 anos,
Eu te amo Alzanira Moreira, muito e pra sempre.

LUTO - 2 ANOS. ( 10/10/1935-27/03/2008 )
3

3 comentários:

Thiago disse...

Liiiindo texto H. É de se emocionar...

eduarda disse...

Nossa. Que lindo...

Abraão disse...

eu escreverei assim um dia. hm'

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t